Atendimento Social Integrado


Na Lousã, o Atendimento Social a cidadãos e famílias em vulnerabilidade social é organizado através de uma Rede Social, ou seja, é realizado pelas diversas Instituições Particulares e Solidariedade Social do concelho, bem como pela Câmara Municipal, Segurança Social, Centro de Saúde, Centro de Emprego, Agrupamento de Escolas e outras entidades do Concelho que, de alguma forma, asseguram respostas de apoio à família e à comunidade.

Assim, o Atendimento e Acompanhamento Social e é feito em rede, de modo descentralizado, em todas as freguesias e em rede.

A Intervenção Social através da Rede Social tem sido uma prioridade para o concelho e tem evoluído no sentido de dar relevância às parcerias que potenciam as tradicionais "solidariedades sociais", com o compromisso de cooperar, articular e garantir complementaridade dos serviços e instituições da comunidade local.

 

Objetivos da Intervenção Integrada


:: Atender e apoiar atempadamente indivíduos e famílias em situação de risco social, com incidência na infância, deficiência e terceira idade;
:: Contribuir para a melhoria das condições e níveis de proteção social do Concelho;
:: Coordenar recursos e planificar respostas conjuntas articulando serviços e instituições da comunidade, de forma a otimizar estratégias e a evitar sobreposição de atuações;
:: Dinamizar respostas e implementar outras em equipamentos e serviços que respondam a situações difíceis e para as quais não há resposta;
:: Aproximar as respostas à população garantindo uma maior adequação das mesmas.

A Câmara Municipal e seus parceiros asseguram proteção às pessoas e a grupos desfavorecidos através da atribuição de vários tipos de apoios.

Como entidade promotora ou em parcerias com diversas entidades locais, são desenvolvidos diversos projetos que visam a melhoria da sua qualidade de vida dos cidadãos e onde são priorizadas as famílias em situações de vulnerabilidade social.


Entidades de Atendimento Social Integrado


Prevenir e reparar situações de carência e desigualdade socioeconómica, de dependência, de disfunção, exclusão ou vulnerabilidade social, bem como a integrar e promover a participação comunitária das pessoas apostando no desenvolvimento das suas capacidades é o que pretendem as entidades com Intervenção Social no Concelho.

A Câmara Municipal presta apoio a essas entidades através de atribuição de subsídios que permitem desenvolver o seu Plano de Atividades e resolvendo a logística necessária para ações pontuais.

O Concelho da Lousã está coberto em termos de respostas sociais totalizando, atualmente, dez Instituições Privadas de Solidariedade Social (IPSS). A existência de IPSS em todas as freguesias proporciona proximidade à população, bem como capacidade de resposta, principalmente nas áreas de idosos, infância, juventude e família, deficiência e intervenção comunitária, com vista à prevenção e resolução de problemas.


Consulte aqui as entidades de Atendimento Psicosocial e Respostas Sociais

Partilhar no Facebook